terça-feira, 21 de março de 2017

Sobre os companheiros de viagem

Uma viagem tem tanto para correr bem, como para correr mal, dependendo de quem vos acompanha. 

Pessoalmente, uma das coisas que mais me deixa ansiosa quando tenho alguma viagem para fazer é imaginar o tipo de pessoas com quem vou ter de levar. É que se calha de irmos acompanhados por representantes do demónio, não há para onde fugir! Uma pessoa tem de gramar a viagem toda, num espaço fechado, durante horas. Um pesadelo, portanto.

O meu top pessoal de coisas que não suporto são:

  • pessoas que falam alto ao telefone e/ou em geral
  • pessoas que me tentam roubar o lugar à janela
  • crianças aos gritos
  • crianças aos pontapés nas costas do meu assento
  • crianças em geral
Pois que hoje tive um tipo novo de companheiro de viagem e que vai directamente para o topo da lista supracitada! 

Estava eu sentada e sossegada dentro do Eurostar, no meu lugar à janela (óbvio) e sem ninguém no assento do lado (perfeito) quando, já depois do comboio ter arrancado, chega um senhor e ocupa o lugar ao lado do meu. Fiquei um pouco irritada, mas pronto, estava plenamente consciente de que era só o meu mau feitio a vir ao de cima e que o homem não tinha feito nada de mal. Ainda.

O senhor estava bem vestido, tinha um ar perfeitamente normal, civilizado, até, pelo que me permiti relaxar. Grande erro. Nem 10 minutos depois, sua excelência começa a escarafunchar o nariz, assim mesmo, sem pudor nenhum. Não contente em estar a limpar o sótão ali à frente de toda a gente, ainda parava uns segundos para apreciar as catotas que tinha nos dedos, antes de as atirar para o chão. Não sei o que me enojou mais: o belo e mui nobre acto de tirar macacos do nariz ou o pormenor de se pôr a olhar para eles. O que é que estaria a pensar? "Hmm gosto desta viscosidade, mas não estou contente com a cor, este verde-muco não vai nada bem com a minha tez".

Posto isto, faço aqui um apelo à população: pessoas, este é o tipo de coisa que não se faz em público, muito menos, num espaço fechado e onde a pessoa ao vosso lado não tem para onde fugir.




42 comentários:

  1. Senti um arrepio geral a percorrer-me o corpo. Abaixo com a humanidade pá.

    ResponderEliminar
  2. Não percebo. As pessoas não têm noção.
    kiss na cheek

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não têm noção, nem educação, nem nada =P

      Eliminar
  3. Há muitas pessoas que não respeitam os espaço públicos...

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  4. Que nojo! Se há coisa que detesto são pessoas desse tipo ao meu lado. Viajo de comboio há 15 anos, de 15 em 15 dias para Lisboa e acredita que já apanhei cada um que não lembra a ninguém!
    Kiss, Mariana Dezolt
    Messy Hair, Don’t Care

    ResponderEliminar
  5. Ai que nojo, há pessoas mesmo sem educação e sem noção.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que não estava na hora de comer =P

      Eliminar
  6. Como te percebo. Um dos episódio que mais me lembro foi um voo de três horas com uma criança de uns 6/7 anos a gritar e insultar os pais sem intervalos.
    Muitas pessoas não percebem o respeito pelo espaço dos outros!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah crianças, esses pequenos seres demoníacos =P

      Eliminar
  7. Oh por favor, que falta de noção :x que nojo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que nunca me vou esquecer deste episódio =P

      Eliminar
  8. Ai concordo com tudo o que disses-te, acontece-me o mesmo comigo no comboio! Felizmente ainda não passei por uma situação como a tua, mas sem dúvida que iria ficar muito desconfortável :D
    Beijinhos <3

    LOSING MA MIND

    ResponderEliminar
  9. Que horror!! Que nojo!! :/

    https://blogdiariodeumafamilianormal.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Que nojeira. Se me calha um desses nas minhas viagens mensais, atiro-o porta fora, o que quer dizer, um daqueles meus olhares horrorosos a ver se ele se coloca no lugar certo. Bjo. Mãe Maria www.sermaeateaofim.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu bem que lhe lancei olhares, mas ele estava demasiado concentrado nas catotas e não se apercebeu =P

      Eliminar
  11. Há pessoas que não têm noção :o

    r: Muito, muito obrigada!

    ResponderEliminar
  12. Aiii que nojo, estou neste momento a comer!!!

    ResponderEliminar
  13. Medo.... Pobre de ti em ter de gramar com isso!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma pessoa começa a habituar-se, infelizmente =P

      Eliminar
  14. QUE NOJO! Há pessoas mesmo sem noção! x

    E. ♥ Meet me for Breakfast

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E são bem mais do que as que possas pensar =P

      Eliminar
  15. Nunca me tentaram roubar o lugar à janela e ainda bem, porque eu ia ficar possuída! xD
    LA VEINE

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim já tentaram várias vezes, mas agora já não cola. Pode ser a velha com mais artroses de sempre, que vai levantar-se na mesma. Que não ocupasse o que não é dela =P

      Eliminar
  16. Isso é falta de educação...
    Quanto às companhias para as viagens maiores, o melhor é escolhê-las...
    Um bom fim de semana.
    Beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando se viaja sozinha, não se pode escolher =P

      Eliminar
  17. ahah Eu só não suporto crianças mal educadas!

    ResponderEliminar